Demasiado leite de camelo

article-0-18D1869D00000578-903_634x449

fonte: dailymail.co.uk

Chamando “doença” ao extremismo islâmico, a Arábia Saudita anunciou a formação de uma coligação de 34 países muçulmanos para combater o terrorismo. Numa estratégia de marketing e relações públicas, eventualmente temendo mais denúncias sobre o patrocínio saudita-wahabita aos radicais, o Ministro da Defesa Mohammed bin Salman vem agora com o Omo, porque lava mais branco: Muslim nations form coalition to fight terror, call Islamic extremism ‘disease’

Bin Salman pretende que a coligação inclua, para além da Arábia Saudita, a Jordânia, Emirados Árabes Unidos, Paquistão, Bahrein, Bangladesh, Benin, Turquia, Chade, Togo, Tunísia, Djibouti, Senegal, Sudão, Serra Leoa, Somália, Gabão, Guiné, Palestinos (quais e como?), Comores, Qatar, Costa do Marfim, Kuwait, Líbano, Líbia (qual dos governos deste país participa?), Maldivas, Mali, Malásia, Egipto, Marrocos, Mauritania, Níger, Nigéria e o Iémen. O centro de operações conjunto será em Riade.

A iniciativa é apoiada pelos os senadores John McCain e Lindsey Graham, que ainda não conseguiram explicar como contribuirá a coligação com 90% da tropas terrestres se nem sequer se entenderam no segmento dos ataques aéreos. Apontar o dedo ao Estado Islâmico é fácil, mas falta esclarecer quem é suposto serem os outros “alvos”.

Como já li, parece que bin Salman, McCain e Graham beberam demasiado leite fermentado de camelo. Não se vislumbra que, com a Rússia e o Irão empenhados a fundo na Síria e no Iraque, possam aqueles países muçulmanos enviar exércitos para o campo de batalha. Em suma, as perspectivas não são exactamente as que o trio imagina.

Porquê?

O Paquistão mostrou-se surpreso: Pakistan surprised by its inclusion in 34-nation military alliance

A Malásia não se involve: Malaysia not involved in anti-terrorist military coalition, says Defence Minister

O Líbano não é membro: Lebanon FM says not member of Saudi anti-terror coalition

A Indonésia está em reflexão: Indonesia yet to decide on Saudi-led military coalition

Aguardemos!

MC

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Sem categoria com as etiquetas , , , , , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s